‘Serei um incansável defensor da transferência da Braskem’

O deputado estadual Dudu Hollanda (PMN), durante sessão ordinária realizada na tarde desta quarta-feira (1º) na Assembleia Legislativa de Alagoas, voltou a defender a transferência da fábrica Braskem, de Maceió para o pólo cloroquímico do município vizinho de Marechal Deodoro. Segundo o deputado, a mudança se faz necessária em virtude dos riscos à população do Pontal da Barra, onde fora erguida ainda na década de 70, com o pólo de Marechal ofertando ‘totais condições de instalação’.

“Tive a oportunidade de conversar com a superintendente do Ibama, Sandra Menezes, que também me externou preocupação. O pólo de Marechal dispõe de toda a estrutura para receber a Braskem. Defendo a transferência desde quando vereador por quinze anos porque, somente com isto, evitaríamos os transtornos que a empresa vem causando, obstruindo o desenvolvimento da região sul de nossa capital”, comentou o deputado, acrescentando que no trecho compreendido entre o Centro e o Pontal da Barra, haviam cinco hotéis, todos já fechados, segundo ele, devido ao temor de turistas com a proximidade da fábrica.

Ainda com a palavra, Dudu Hollanda destacou que a antiga Salgema se instalou em Maceió quando a cidade ainda era pouco habitada no trecho onde hoje se encontra a Braskem. “Mas a capital cresceu. Os investidores receiam esta bomba atômica. O desenvolvimento é importante, assim como a geração de emprego. Mas temos que dar preferência ao turismo. Hoje ela [a maior produtora de resinas termoplásticas das Américas] traz mais medo do que pagamento em impostos para o município”, comparou o também ex-presidente da Câmara Municipal de Maceió.

Em seu enfático discurso, o deputado reforçou que continuará exercendo a postura de incansável defensor da transferência da cloroquímica, ‘não de Alagoas, mas de Maceió’. “E este não será o primeiro caso em Alagoas, já que tivemos caso semelhante envolvendo uma usina com atuação em nosso Estado. É preciso que os órgãos competentes tomem providências. Vou buscar informações do quão a Braskem é danosa, contaminando o nosso meio ambiente e comprometendo quem sobrevive dos mariscos ainda encontrados nas lagoas de nossa capital”, complementou.

Por fim, também na sessão desta quarta, antes de fazer uso da palavra na tribuna, Dudu parabenizou o trabalho do presidente da Assembleia Legislativa do Piauí, Themístocles Filho (PMDB), que, nesta quarta, visitou a Casa de Tavares Bastos, trocando experiências com os deputados alagoanos. No Piauí, Themístocles propagandeia como principal avanço de sua gestão a transmissão das sessões plenárias em canal de TV aberto.

About the author

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *