Câmara homenageia presidente do Tribunal de Justiça de Alagoas

A Câmara de Vereadores de Maceió homenageou, durante sessão especial realizada na manhã desta quinta-feira, 25, a presidente do Tribunal de Justiça do Estado de Alagoas (TJ-AL), desembargadora Elizabeth Carvalho do Nascimento, que, na ocasião, recebeu o título de Cidadã Honorária da Cidade de Maceió, graças a requerimento, de autoria da vereadora Tereza Nelma (PSB), aprovado pela unanimidade dos legisladores que formam a Casa Mário Guimarães.

A solenidade, integrando a programação de atividades da 2ª Semana da Mulher da Câmara de Vereadores de Maceió, contou com a presença de várias autoridades, entre desembargadores e juízes – a exemplo do presidente da Associação Alagoana de Magistrados (Almagis), Maurílio Ferraz –, além de amigos e familiares da presidente do Poder Judiciário, lotando as dependências do plenário Galba Novaes de Castro.

Com a palavra, a vereadora Tereza Nelma, após a exposição de um vídeo, utilizou a tribuna para discorrer sobre a história de vida da desembargadora. “Falar da mulher brasileira, com tripla jornada de trabalho, não é difícil. Difícil é falar sobre uma mulher que, ainda quando criança, em Delmiro Gouveia, já se preocupava com a justiça social e que vivenciou a dor da fome. Trata-se de uma mulher guerreira, sertaneja, e que hoje é uma grande referência da bravura da mulher alagoana. Foi uma proposição nossa, mas a homenagem é de todos os vereadores”, discursou a vereadora, sobre a primeira presidente do TJ-AL e a primeira governadora da história de Alagoas, acrescentando que a desembargadora continua a fazer justiça social, ‘agora à frente do Tribunal de Justiça, aproximando-o dos cidadãos’.

Tereza Nelma destacou ainda que a desembargadora Elizabeth Carvalho deixou cidade natal e se mudou para o Rio de Janeiro, para cursar direito na Universidade Gama Filho, ‘com dedicação e discrição marcantes’. “Vê-la governadora [quando de sua passagem, por cinco dias, no Palácio República dos Palmares, após convite do governador Teotonio Vilela Filho] foi emocionante para todas nós mulheres”, salientou a vereadora, referindo-se ainda ao empenho do Judiciário local no sentido de se erradicar com o sub-registro em Alagoas.

Ainda com a palavra, a vereadora voltou a pedir a criação da Vara da Criança e do Adolescente, solicitando ainda o fortalecimento da Vara da Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher, ‘para que a Lei Maria da Penha saia mais do papel’.

Na sequência da solenidade, o vereador Galba Novaes (PRB) também usou a tribuna para externar sua satisfação, e a dos colegas vereadores, com as conquistas vivenciadas pela mulher brasileira, ressaltando o fato de a Câmara de Maceió ser a única do país com 1/3 de mulheres vereadoras. Em seguida, foi a vez de a vereadora Silvânia Barbosa (PTdoB) prestar sua homenagem à presidente do TJ-AL, entregando-lhe uma placa.

A desembargadora Elizabeth, por sua vez, discursou aos presentes sobre as dificuldades enfrentadas ao longo de sua trajetória. Na oportunidade, a presidente do TJ-AL não conseguiu esconder, como de costume, sua preocupação para com mazelas representadas, por exemplo, pela seca no sertão alagoano, onde nasceu e se criou. “Não existe um projeto sequer de irrigação às margens do Rio São Francisco. Como pode haver tanta água e o povo ainda morrer de sede e fome?”, questionou a desembargadora, lembrando já ter passado por várias Varas ‘ribeirinhas’. “Nunca imaginei receber tão grandiosa homenagem”, emendou Elizabeth Carvalho, agradecendo a iniciativa dos vereadores.

Encerrando solenidade, com direito a bolo de aniversário (já que a desembargadora completa idade nova nesta sexta-feira, 26), o presidente da Câmara, vereador Eduardo Holanda (PMN), disse sentir-se honrado ‘com a justa homenagem’. “Sentimo-nos honrados em poder homenagear a ilustríssima primeira desembargadora de Alagoas”, afirmou o vereador, lembrando as muitas mulheres de destaque na sociedade alagoana. “Para nós, é um motivo de orgulho muito grande vê-la brilhar”, complementou.

About the author

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *