Deputado apresenta projeto para economia de energia elétrica

O deputado estadual Dudu Hollanda (PSD) apresentou mais um projeto de lei visando à melhoria da qualidade de vida da população alagoana. Desta feita, o parlamentar propôs a instalação de sistema de aquecimento de água por energia solar em edificações de natureza pública em todo o Estado de Alagoas. O objetivo, segundo o deputado, é fomentar o desenvolvimento sustentável e reduzir custos no âmbito da administração pública.

Segundo a matéria, os projetos de novas edificações devem conter sistema  capaz de cobrir ao menos 40% de toda a demanda anual de energia necessária para o aquecimento de água sanitária. Já os materiais utilizados deverão ter o aval do Instituto Nacional de Metrologia, Normalização e Qualidade Industrial (Inmetro).

Contudo, a matéria prevê a isenção dos prédios em que a aplicação da lei, para aquecimento d’água por energia solar, for considerada tecnicamente inviável, com base em estudo por profissionais habilitados.

“O Brasil tem condições muito favoráveis para o aproveitamento da energia solar, visto que nenhum dos outros modelos a que temos acesso, a exemplo da energia hidrelétrica, que demonstra já não ser capaz de suportar a demanda. Além disso, todos eles causam algum tipo de impacto ambiental, uns com mais e outros com menos intensidade”, explica o deputado estadual, lembrando, com pesar, o perigo do aquecimento global.

O também líder do PSD na Assembleia Legislativa de Alagoas destaca ainda o deslocamento de populações inteiras com a instalação de hidrelétricas, comprometendo a fauna e a flora. “Já a energia solar é algo limpo e ambundante  em nosso país. Por isso mesmo, este sistema é mais vantajoso do que qualquer outro, tanto com relação ao meio ambiente, quanto aos custos para sua instalação”, ressalta o deputado.

Dudu Hollanda reforça que vários países já têm adotado a energia solar de forma satisfatória, destacando também a possibilidade de a redução de custos favorecer o acesso pelas classes sociais menos favorecidas, com a fabricação de sistemas mais populares.

“É por isso que iremos solicitar aos nossos colegas deputados a aprovação unânime desta matéria”, complementou o também 4º secretário da Mesa Diretora da Assembleia Legislativa.

About the author

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *