Dudu volta a cobrar mais policiamento para o Jaraguá

O deputado estadual Dudu Hollanda (PSD), durante sessão plenária realizada na tarde desta quarta-feira (23), utilizou a tribuna da Assembleia Legislativa de Alagoas para se pronunciar a respeito os constantes assaltos à mão armada, além de arrombamentos de veículos, registrados nas imediações de uma instituição de ensino superior situada no bairro do Farol, em Maceió. Na oportunidade, o parlamentar voltou a cobrar ao Comando de Policiamento da Capital (CPC) mais atenção para a localidade, a fim de se evitar tais ações criminosas.

“São inúmeros os assaltos e arrombamentos de veículos no período noturno, quando os alunos chegam para suas aulas. Um professor da universidade, o major PM Casado, relatou-me que sempre tem solicitado reforço policial, sem ser atendido. Por isso, reforço minha solicitação, no sentido de que se oferte segurança àqueles que por lá transitam”, discursou Dudu Hollanda, acrescentando também ter mantido contato com assessor do prefeito de Maceió, Cícero Almeida (PP), a quem requereu melhoria no sistema de iluminação pública.

“Sabemos que alguns vândalos têm roubado fiação. Mas os reparos precisam ser feitos, já que a escuridão facilita a ação dos assaltantes”, avaliou o também quarto secretário da Mesa Diretora do Legislativo Estadual.

‘PSD cada vez mais forte’

Na mesma sessão, o vice-presidente estadual do Partido Social Democrático também falou sobre a realização de encontros da legenda recém-criada e que, em 2012, deverá disputar as eleições municipais com cerca de 40 candidaturas majoritárias. “Iniciaremos uma série de encontros em várias regiões do Estado, a começar pela Norte, onde estaremos reunidos, na próxima sexta-feira, na Câmara Municipal de Porto Calvo, com a presença de representantes de dez municípios”, revelou Dudu, referindo-se às cidades de Barra de Santo Antônio, Jacuípe, Japaratinga, Jundiá, Maragogi, São Luiz, São Miguel dos Milagres, Matriz do Camaragibe e Passo do Camaragibe.

Segundo Dudu, as reuniões terão como principal objetivo orientar os 94 diretórios municipais visando às eleições do próximo ano. “Iremos realizar seminários nos quatro cantos de Alagoas. A próxima será a região Sul, no dia dezesseis de dezembro, quando estaremos no município de Penedo, discutindo vários assuntos relativos ao fortalecimento de nosso partido em todo o Estado”, complementou o deputado estadual

Ainda de acordo com Dudu, com tal iniciativa, o PSD reafirma que a sociedade como um todo precisa ser convencida a participar efetivamente da construção de políticas partidárias, contribuindo assim para com o fortalecimento da democracia. “Temos resultados e perspectivas porque contamos com o apoio de pessoas que constroem um PSD cada vez mais forte em todo o Brasil”, reforçou Dudu, lembrando que a legenda já ‘abraça’ 57 deputados federais e 102 estaduais, além de dois governadores, dois senadores, e seis vice-governadores. Completando a extensa lista, 600 prefeitos e seis mil vereadores também carregam a bandeira do PSD em todo o país.

‘ONG Pense Brasil é exemplo’

Também nesta quarta-feira, o deputado Dudu Hollanda destacou visita que fizera às instalações da Organização Não Governamental (ONG) Pense Brasil, no município de Barra de São Miguel. “Fiquei encantado com o que vi no último sábado (19), quando tive a satisfação de conhecer um projeto moderno em um município com potencial de desenvolvimento enorme, sobretudo por meio do turismo, devido as suas belezas naturais, já que a Barra possui um dos cenários mais bonitos do país”, salientou o parlamentar, sobre a ONG cujo objetivo é promover a cidadania por meio de atividades educacionais, profissionalizantes, artísticas, culturais, recreativas e esportivas, tanto para crianças e adolescentes, quanto para jovens adultos e idosos.

Na ocasião, o deputado estadual afirmou louvar a iniciativa de Jeferson Moraes (DEM), visto que o colega de parlamento foi o autor de projeto de lei para transformar a ONG em instituição de utilidade pública, de modo que a mesma passe a receber recursos do governo estadual.  “Conheci a oficina de corte e costura, bem como a de vela e sabonete. Além disso, tem-se o importante apoio pedagógico por meio do reforço escolar, com várias atividades esportivas, como o surfe e a capoeira”, emendou Dudu, reportando-se ainda a atividades que fomentam o cinema e o teatro, além do artesanato local.

A ONG também oferta a mais de 1,5 mil jovens atividades como estudo de música e bandas locais, coco de roda e quadrilha, além de grupo da melhor idade. “Os assistidos também são responsáveis por um jornal comunitário e um site interativo, participando ainda de gincanas e palestras sobre conscientização ambiental e Direitos Humanos, além dos cursos de inglês e espanhol, com metodologia invejável”, analisou o deputado, sobre a instituição coordenada pelo empresário José Medeiros Nicolau, o Zezeco.

Em aparte ao pronunciamento do deputado Dudu, Jeferson Moraes parabenizou a lembrança do também ex-vereador por Maceió, destacando que, se não fosse ação da ONG, ‘todos aqueles jovens estariam nas ruas’. Na sequência, foi a vez de o deputado Judson Cabral (PT) também louvar a participação do colega de parlamento, louvando o fato de a entidade ofertar a oportunidade de os jovens necessitavam para desenvolver suas habilidades.

Emendas parlamentares

Por fim, também na sessão desta quarta-feira, Dudu Hollanda trouxe à tona polêmica em torno das chamadas emendas parlamentares, por meio das quais cada deputado busca destinar recursos para a execução de melhorias em municípios de todo o Estado. Dudu lembrou o fato de tais emendas, debatidas e aprovadas quando da discussão do Orçamento para 2011, ainda não terem sido efetivamente destinadas às cidades que compõem a base eleitoral de cada parlamentar.

“Acompanhei parte da sessão pública realizada nesta quarta e que teve como objetivo debater o Orçamento para o ano vindouro. Por isso, reforço o posicionamento dos colegas deputados Antônio Albuquerque e Joãozinho Pereira, que externaram preocupação para com o fato. Afinal, sempre tivemos a bancada federal como referência na atração de recursos para Alagoas, mas nossa cota de emendas individual também é muito importante”, afirmou o deputado, acrescentando já ter conversado sobre este assunto com o governador Teotonio Vilela Filho (PSDB), alertando-lhe acerca da relevância do tema para os municípios.

“Tive, inclusive, a oportunidade de votar o Orçamento vigente, logo no início de meu primeiro mandato como deputado. As emendas são importantes também para quando estivermos em campanha. Para prestarmos contas à população no município que representamos. Por isso, temos de fazer com que estas emendas, já empenhadas, sejam de fato destinadas para as cidades, para a finalidade de origem”, refletiu Dudu, lembrando ter destinado emendas para cinco municípios, a fim de viabilizar a construção de escolas e o recapeamento de estradas, por exemplo.

“Faço parte da bancada governista, mas reforço: as emendas são muito importantes para que possamos contribuir para com o desenvolvimento do nosso Estado, a fim de que nosso trabalho seja reconhecido. O governo tem interesse, mas é preciso que os órgãos afins se dediquem à solução deste problema. Afinal, caso contrário, de que servirá a atividade parlamentar?”, indagou Dudu Hollanda.

Em seguida, o deputado Jota Cavalcante (PDT), que presidia a sessão, fez pronunciamento reforçando o entendimento do colega parlamentar, destacando que, quando da sessão especial realizada nesta quarta, o secretário de Estado do Planejamento, Luiz Otávio Gomes, garantiu que o Executivo já reservou R$ 20 milhões para as emendas parlamentares de 2012, prometendo liberá-las em tempo hábil. Contudo, sobre as emendas aprovadas para o ano em curso, o governo estadual teria alegado não mais haver recursos, já que a verba teria sido remanejada para outras ações consideradas prioritárias.

E antes de encerrada a sessão, o presidente da Comissão de Orçamento da Assembleia Legislativa, deputado Gilvan Barros (PSDB), além do deputado Sérgio Toledo (PDT), também se posicionaram favoravelmente ao entendimento do deputado Dudu, cobrando maior atenção do Governo do Estado no tocante ao acordo formalizado com o Legislativo.

About the author

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *