‘Eco Via Norte é um sonho realizado’, afirma Eduardo Holanda

O presidente da Câmara de Municipal de Maceió, vereador Eduardo Holanda (PMN), utilizou a tribuna do plenário Galba Novaes de Castro, na sessão ordinária desta quinta-feira, 04, para externar aos colegas vereadores sua satisfação para com o anúncio de implantação da chamada Eco Via Norte, que interligará a parte alta da capital, no Benedito Bentes, e a baixada litorânea, em Guaxuma.

Presidente discursa com edição do Diário Oficial que contém projeção da obra

Para o presidente da Câmara, a obra é a realização de um sonho, pois, além de permitir a fluidez do tráfego de veículos – servindo de alternativa aos congestionamentos observados nos horários de pico –, fomentará o turismo e proporcionará qualidade de vida ao cidadão maceioense.

“Sou um apaixonado pelo planejamento. Já fui representante desta Casa na SMTT [Superintendência Municipal de Transporte e Transporte] e sei da importância de se pensar o trânsito, sobretudo numa cidade que já alcançou a marca de um milhão de habitantes. A Eco Via Norte é uma luta minha e do povo do Benedito Bentes e bairros adjacentes. Desde o meu primeiro mandato, há quatorze anos, que luto pela concretização deste sonho. Eu gritava sozinho para que viabilizassem esta obra, mas não demorou muito para que nos ouvissem, pois, participei efetivamente das discussões”, comentou o vereador, reconhecendo o empenho da ex-prefeita Kátia Born (PSB), que fez os primeiros três quilômetros iniciais de calçamento da via, do Benedito Bentes 2 até o Conjunto Moacir Andrade.

“Trata-se de uma obra que levará desenvolvimento a vários bairros, haja vista que o projeto contempla as chamadas vias secundárias, que darão acesso a unidades habitacionais como o Loteamento Antares e o Conjunto José Tenório, desafogando o trânsito nos horários de pico. E o prefeito Cícero Almeida (PP) haverá de construir os seis quilômetros restantes da obra que beneficiará milhares de maceioenses, assim como o turista que precisa chegar ao aeroporto”, destacou Holanda, lembrando que a Eco Via Norte está orçada em R$ 24 milhões.

“Desse total, vinte e dois milhões são fruto de emenda parlamentar do deputado federal Maurício Quintella (PR), além da contrapartida do município, responsável pela obra que atenderá as diretrizes do Plano Diretor de Maceió”, salientou.

Em aparte ao discurso do presidente do Legislativo Municipal, o vereador Silvio Camelo (PV) parabenizou a iniciativa de Holanda. “Vossa excelência poderia omitir o fato de a ex-prefeita Kátia Born ter iniciado a obra, mas não o fez devido a sua grandeza pública. Lembro-me até que vossa excelência percorreu o trajeto da via, solicitando ao prefeito que o acompanhasse para conhecer de perto os benefícios que esta obra proporcionará. Como todas as grandes realizações começam com um sonho, eis que se lança a área do futuro, que será a região do Tabuleiro do Martins. E vossa excelência lutou muito por isto”, avaliou o vereador.

Projeção da Eco Via Norte

Em novo aparte, o vereador Francisco Holanda (PP) também utilizou a tribuna para parabenizar o empenho do presidente da Câmara, acrescentando que a obra ‘é mais uma resposta àqueles que insistem em dizer que Cícero Almeida seria o prefeito do concreto’, salientando o fator social advindo da obra estruturante.

Novamente com a palavra, o vereador Eduardo Holanda destacou que a Eco Via Norte será dotada do que há de mais moderno em mobilidade e sustentabilidade, com canteiro central de oito metros de largura e amplamente arborizado, ciclovia e passeio público. Na tribuna, o presidente da Câmara também lembrou mensagem à época encaminhada ao Legislativo pela ex-prefeita Kátia Born, no sentido de fomentar o comércio da região norte, a fim de favorecer o turismo com a concessão de desconto de 2%, no pagamento do ISS [Imposto Sobre Serviços] , aos empresários.

“Tenho a satisfação de afirmar que legislei em favor do povo de Maceió, reconhecendo o saldo positivo da administração da hoje secretária estadual Kátia Born, na certeza de que o prefeito Cícero Almeida dará continuidade à obra, assim como tem honrado os compromissos de sua gestão”, complementou o vereador, lembrando ainda trabalhar para, numa junção de esforços, ver construída uma via de ligação entre o bairro Santa Amélia e o Vergel do Lago, na orla lagunar da capital.

“Teremos uma excelente e viável alternativa de escoamento à Avenida Fernandes Lima, o principal trecho de ligação entre o Farol e o Centro da capital, já que ambas as regiões não mais encontram espaço para crescer. Temos de continuar lutando para que tenhamos o engajamento de todos neste projeto, sensibilizando nossa bancada federal para garantirmos os recursos necessários”, reforçou Holanda.  

A via

Em cumprimento às metas do Plano Diretor (Lei Municipal n° 5.486), a Prefeitura de Maceió decretou – na edição dessa quarta-feira, 03, do Diário Oficial do Município, a implementação da denominada Eco Via Norte, que interligará o complexo residencial Benedito Bentes aos bairros da Serraria, Jacarecica e Guaxuma.

O projeto será executado pela Secretaria Municipal de Infraestrutura e Urbanização (Seminfra), contando com a contrapartida de R$ 2 milhões do município, já garantida pela Secretaria Municipal de Finanças (SMF).

Com seis quilômetros de extensão, a Eco Via Norte possui um corredor principal, finalizado em trecho da AL-101 Norte, e outras quatro ramificações. Já os corredores secundários abrangem os seguintes trechos: Benedito Bentes – Antares, Benedito Bentes – Conjunto José Tenório, Jacarecica – São Jorge, e Benedito Bentes – Riacho Doce.

Para o secretário municipal de Planejamento e Desenvolvimento, Márzio Delmoni, a nova via consiste em mais uma grande conquista à cidade. “É a prova de que o Plano Diretor está sendo cumprido e respeitado”, entusiasmou-se o secretário.

About the author

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *